Menu

Atendimento digital leva BB à liderança do segmento de alta renda

Atendimento digital leva BB à liderança do segmento de alta renda

Instituição inaugurou 143 escritórios do BB Estilo Digital desde 2015

 

A estratégia de abrir unidades de atendimento digital permitiu ao Banco do Brasil atingir o marco de um milhão de clientes no segmento Estilo. A marca garante a liderança do setor bancário no atendimento ao público com renda a partir de R$ 8 mil ou com investimentos superiores a R$ 100 mil.

O movimento do BB começou em maio de 2015. Nesse período, a instituição transformou 143 agências tradicionais em escritórios do BB Estilo Digital, que já atendem a 552 mil clientes. Até o fim do ano serão 243 unidades aptas ao novo modelo de atendimento, o que representa 100% da Rede Estilo. Segundo a instituição, a expansão permitirá atingir 1,3 milhão de clientes no segmento.

As novas unidades fornecem atendimento em horário estendido, das 8h00 às 22h00, e possibilidade de interações entre gerente e cliente por meio de soluções digitais, como e-mail, videoconferência e chat online e a ferramenta “Fale com seu Gerente”, similar ao WhatsApp.

"A estratégia de banco digital permite ampliar a entrega de valor e a melhoria da experiência dos clientes com o modelo de atendimento Estilo. Conseguimos melhorar em 16% o nível de satisfação dos clientes, nossa eficiência cresceu 35% e o volume de negócios aumentou 20% nesse novo modelo", afirma o vice-presidente de Negócios de Varejo, Raul Moreira.

A iniciativa é complementar ao atendimento presencial. O cliente pode optar pelo tipo de atendimento que julgar mais conveniente: digital, presencial ou ambos. Se o cliente preferir comparecer a uma agência, um gerente estará disponível para auxiliá-lo em suas demandas e necessidades. Existe também a possibilidade de agendar horário para o atendimento presencial, realizado pelo próprio gerente de relacionamento que o atende nas interações digitais.

Novos segmentos

O sucesso do modelo para o público alta renda permitiu ao Banco expandir o atendimento digital para outros grupos. Para o segmento Exclusivo, que reúne correntistas com renda a partir de R$ 4 mil, a instituição abriu seis escritórios, em atendimento a 52 mil clientes, no Distrito Federal, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo (2). A previsão é chegar a 32 unidades até dezembro e alcançar 650 mil pessoas físicas.

As micro e pequenas empresas (MPEs) também contam com escritórios de negócios que prestam atendimento digital ao segmento. Estão em funcionamento seis unidades localizadas em Brasília (DF), Campinas (SP), Curitiba (PR), Joinville (SC), Porto Alegre (RS) e Ribeirão Preto (SP). Até o final de 2016, a rede atingirá 32 escritórios. No momento, são 15 mil empresas beneficiadas. No fim do ano serão mais de 100 mil.

 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes