Menu

Bossa Nova amplia o quadro societário

Executivos da Bossa Nova (da esquerda para direita): Rodolfo Santos, Pierre Schurmann, João Kepler e Thiago Oliveira Executivos da Bossa Nova (da esquerda para direita): Rodolfo Santos, Pierre Schurmann, João Kepler e Thiago Oliveira

Thiago Oliveira reforça o time da micro venture capital, uma investidora em startups

A Bossa Nova Investimentos ganhou um novo sócio: Thiago Oliveira, fundador da IS Log & Services, especializada em transporte e logística, que no final do ano passado foi vendida para um fundo de investimento.

Thiago é autor do livro “Pense dentro da caixa”, da editora Gente. Sua aproximação com a Bossa Nova se consolidou com recebeu convite de João Kepler, sócio da Bossa Nova, para ser coautor do livro “Os Segredos da Gestão Ágil”, da mesma editora.

A obra apresenta cases e técnicas de melhorias para que empresas de todos os tamanhos possam aplicar gestão.

“O Thiago é um empreendedor nato que inspira outros profissionais do mercado a aprimorarem seus métodos e modelos de negócios por meio da mentalidade ágil”, revela Kepler.

Para o executivo, a história de empreendedorismo de Thiago, somada à sua experiência com gestão e sua forma de se relacionar no mundo dos negócios, contribuíram para o anúncio da sociedade, oficializado durante um evento interno da empresa.

“A vinda dele para o time Bossa Nova fortalece nossa estratégia de democratizar o acesso ao capital para continuarmos identificando as melhores oportunidades de investimentos em estágio inicial”, complementa Kepler.

A Bossa Nova Investimentos tem cerca de 537 investimentos e 413 startups investidas, sendo mais de 100 startups nos Estados Unidos.

Em 2019, a empresa avançou em sua estratégia de internacionalização e abriu escritório em Lisboa, Portugal, para fomentar o mercado de investimentos em startups também na Europa.

Além de investir diretamente em startups, possui participação como cotista em fundos de Venture Capital brasileiros.

Desde 2017, o grupo BMG tornou-se sócio da Micro Venture Capital que é liderada pelos empreendedores Pierre Schurmann e João Kepler. Com a sociedade, a Bossa Nova pretende somar ao seu portfólio mil startups até 2020.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes