Menu

Tecnologias tornam online depósitos em cheque

Tecnologias tornam online depósitos em cheque

Com aplicativo no smartphone, cheques entram diretamente na conta. Pré-datados ficam sob custódia eletrônica.

Entre as novidades apresentadas na 25ª edição do Ciab FEBRABAN 2015, estão as tecnologias que realizam depósitos de cheques remotamente e fazem compensação direta na conta bancária, dispensando sua apresentação física.

Com o aplicativo instalado no smartphone, que reconhece o CMC7 (informações sobre banco, conta, agência, dígitos verificadores, valor etc.), o cliente só precisa tirar foto frente e verso do cheque, que entra na hora na conta, mesmo fora do horário bancário.

A OKI do Brasil, por exemplo, trouxe o MD Check Mobile, solução que processa automaticamente o depósito de cheques, que podem ser descartados após a compensação. A ferramenta, que foi apresentada no Ciab em um smartphone Sony Xperia M2, elimina a possibilidade de roubo e reduz custos com o transporte de valores. Basta tirar uma foto do documento e o software processa, automaticamente, o reconhecimento das informações do padrão CMC7.

A Recognition anunciou, na feira da Febraban, o lançamento da tecnologia de captura remota de depósitos, a RDC, também a partir de aplicativo instalado no smartphone e com as mesmas características. Para pessoas jurídicas efetuarem depósitos remotos de cheques, a empresa disponibiliza scanners com diferentes velocidades, que podem ler 100 cheques por minuto.

O cheque também é devolvido na mesma hora e o scanner imprime em seu verso o motivo da devolução. Sua reapresentação, se for devolvido sem fundos por exemplo, também é online.

Outra novidade interessante da Recognition é o deposito de cheques pré-datados. O aplicativo ou scanner identifica a data dos cheques, que ficam sob custódia eletrônica e podem entrar como antecipação de recebíveis. O scanner também paga boletos e outras contas de consumo – o usuário autoriza o débito onde estiver, independentemente do horário bancário.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes