Aplicativo de Fidelidade

Bradesco


Clique na foto e veja a legenda

Comunicação mobile incrementa Clube de Vantagens

Alertas sobre ofertas de produtos e serviços são enviados para o celular sempre que o cliente se aproxima de uma loja

Inaldo Cristoni

Uma vitrine de ofertas e benefícios para quem possui uma apólice da Bradesco Seguros, o Clube de Vantagens incorporou a comunicação mobile e a tecnologia de geolocalização em tempo real entre as suas funcionalidades.

Os dois novos recursos permitem que os usuários de aparelhos celulares das plataformas Android e iOS recebam notificações sobre promoções e descontos na venda de produtos e serviços sempre que se aproximam de estabelecimentos comerciais que são parceiros da seguradora nesse tipo de ação.

A comunicação pode ser feita tanto de forma on-line quanto offline, respeitando as preferências e comodidade dos usuários. Dessa forma, cria-se uma ambiente digital que passa a ser uma espécie de assistente pessoal dos clientes, que não precisam acessar a aplicação para procurar benefícios.

O projeto, que entrou em produção em janeiro deste ano e recebeu o Prêmio efinance 2017 na categoria Aplicativo de Fidelidade, chama a atenção pelo uso da tecnologia geofensing, para a localização em tempo real e identificação dos pontos de interesse e emissão de alertas aos usuários.

A localização em tempo real e o uso de técnicas de envio de notificações para celulares minimizam o fluxo de informações para as respectivas lojas de aplicativos, o que é uma característica de soluções desse tipo, explica Reginaldo Arakaki, gerente do Departamento de Consultoria da Scopus.

Arquitetada pela Scopus, a geofensing faz parte do conjunto de recursos relacionados à geolocalização em tempo real e notificações, diz o executivo. “O Clube de Vantagens é conectado ao produto Carteira Digital, da Bradesco Seguros, e foi totalmente desenvolvido pela Scopus”, ressalta.

Segundo ele, a geofensing consiste em um espaço demarcado digitalmente, de forma que, para cada estabelecimento comercial parceiro da Bradesco Seguros na cidade, é possível enviar uma notificação para cada cliente que se aproxima de suas lojas.

O conteúdo das mensagens enviadas, em geral, é um convite para visitar a loja e orientações sobre como chegar ao local. Os lojistas também ganham com a iniciativa, uma vez que podem ampliar o fluxo de clientes em seus estabelecimentos.

Um dos fatores que motivaram o desenvolvimento do projeto foi a necessidade do departamento de marketing da instituição de estar mais próximo de seus clientes. Assim, vislumbrou no canal mobile uma oportunidade de oferecer a eles as ofertas e benefícios disponíveis no Clube de Vantagens.

Quatro etapas de desenvolvimento

Para o desenvolvimento do projeto foram necessárias quatro etapas. A primeiro delas consistiu na criação de um modelo de negócio baseado no uso de smartphones, a partir de web site. Segundo Arakaki, avaliou-se uma forma diferenciada de fazer chegar ao cliente informações sobre as ofertas e benefícios disponíveis, sem que ele tivesse que realizar nenhuma ação.

A segundo etapa foi de criação de um protótipo inovativo para avaliação e ajustes pelos gestores de negócios. Depois, foi feita a integração do back-office dos parceiras à Carteira Digital, da Bradesco Seguros, e, por fim, a realização de testes técnicos e do roll-out de implantação.

A Scopus alocou profissionais das áreas de inovação e de desenvolvimento de soluções no projeto, durante o período de 12 meses. Na avaliação de Arakaki, trata-se de um projeto de alta complexidade, “em função das inovações incorporadas: tempo real, geofensing e arquitetura multisserviços”.

De acordo com o executivo, o projeto traz o know-how da companhia para o uso intensivo da Internet das Coisas (IoT), com o objetivo de explorar os micromomentos como estratégia para conhecer os clientes e oferecer produtos e serviços em ocasiões convenientes para eles.

Os smartphones possuem dezenas de sensores e atuadores, agindo como um hub de dispositivos IoT. “Com esse projeto, a Scopus avança, com bastante profundidade, no conhecimento de localização em tempo real, que permite entender e agir de acordo com a conveniência das pessoas físicas e jurídicas”, conclui Arakaki.