Banco por WhatsApp

, Published in Vencedores 2018

BRADESCO

Compartilhar comprovantes por WhatsApp

 

 

 

 

Bradesco permite compartilhar comprovantes por WhatsApp

 

 

 Do Bradesco, João Paulo Piazza, subgerente do Departamento de TI; Florencia Irurzun, superintendente executiva de TI; e Jolivan Lopes Galvão filho, superintendente executivo. Da Scopus, Cristina Coelho Abreu Pinna, superintendente executiva; Paulo Roberto Pinho, gerente departamental de TI; Thiago Augusto Praxedes Cancissu, analista de Desenvolvimento de Sistemas; e Almir Rogério Lourenço, analista sênior

 

Empresa muda aplicativo mobile para facilitar o envio de comprovantes em diferentes canais

Após a realização de certas transações online, grande parte dos clientes quer enviar o comprovante para terceiros. No Canal Bradesco Celular, após fazer um pagamento de boleto, contas de consumo, tributos via código de barras, recarga de celular e transferências bancárias, o comprovante pode ser enviado somente por e-mail, restringindo as possibilidades de usabilidade do cliente.

Para facilitar o dia a dia de seus correntistas, o banco desenvolveu, em parceria com a Scopus, um projeto, batizado de Compartilhar Comprovantes por WhatsApp, ganhador do prêmio efinance na categoria Banco por WhatsApp, para colocar a função de Visualização/Compartilhamento de PDF, Assim, é possível compartilhar comprovantes de diversas formas (redes sociais, WhatsApp, e-mail, entre outros) sem sair do aplicativo.

Antes, o Mobile Banking Pessoa Física provia os comprovantes por meio de envio por e-mail. A nova versão traz a função de compartilhamento de comprovantes, sendo possível enviar os comprovantes usando o hub de compartilhamento do smartphone ou usar a função para salvar os documentos em uma conta do OneDrive.

Foram envolvidos no projeto diferentes ambientes (testes unitários, testes de integração, homologação e produção) que contam com todo o parque de servidores e com a complexa integração de redes das diversas origens de informação.

Todos os clientes correntistas pessoa física do Banco Bradesco já podem usar a nova ferramenta. O custo aproximado do projeto é confidencial e a implantação foi feita entre agosto e novembro de 2017.

More in this category: « DevOps Educação & Treinamento »