Menu

Itaú adquire operação no varejo do Citibank por R$ 710 milhões

Itaú adquire operação no varejo do Citibank por R$ 710 milhões

Negócio engloba 315 mil clientes, 71 agências, R$ 35 bilhões entre depósitos e ativos e 1,1 milhão de cartões de crédito

Em anúncio feito neste fim de semana, após a formalização do negócio, o Itaú Unibanco adquiriu toda a operação do Citibank no Brasil no setor de varejo, voltado para pessoas físicas, pelo valor de R$ 710 milhões.

Desde que o banco americano, já faz quase 10 meses, tinha confirmado seus planos de se desfazer deste segmento – no qual mantinha uma carteira de 315 mil clientes, no geral de alta renda –, o Itaú vinha disputando com o Santander a realização do negócio, acabando por chegar na frente. O cenário atual é marcado pela disputa, entre os grandes players, por clientes de alta renda, vistos como os mais rentáveis.

Formalmente, segundo informou a instituição em comunicado à imprensa, foi celebrado um contrato (Equity Interest Purchase Agreement) para aquisição de ativos que incluem empréstimos, depósitos, cartões de crédito, agências, gestão de recursos e corretagem de seguros, assim como as participações societárias detidas pelo Citibank na Tecban (Tecnologia Bancária S.A.), representativas de 5,64% do seu capital social, e na Cibrasec (Companhia Brasileira de Securitização), somando 3,60 % do capital. 

A operação de varejo do Citibank no Brasil conta com 71 agências, R$ 35 bilhões entre depósitos e ativos sob gestão (valores brutos na data-base de 31 de dezembro de 2015), 1,1 milhão de cartões de crédito e R$ 6 bilhões de carteira de crédito. Com essa aquisição, o Itaú passará a ter R$ 1,404 trilhão em ativos. O impacto no capital principal do banco decorrente desta transação é estimado em aproximadamente 40 bps (Índice Basileia III Full). 

A operação envolverá a reestruturação societária de algumas sociedades do conglomerado Citibank, de modo que o negócio de varejo no Brasil seja cindido e transferido para sociedades que serão objeto da aquisição. O Citi continuará atendendo no País os clientes de Corporate e Investment Banking, Commercial Bank e Private Bank. 

De acordo com o comunicado oficial, os clientes do Citibank ”continuarão a usufruir da mesma eficiência e qualidade no seu atendimento, além de passar a contar com uma oferta diferenciada de serviços digitais, já que hoje 95% dos negócios podem ser formalizados remotamente no Itaú Unibanco”. Os correntistas da instituição adquirida passarão a ter acesso a uma rede de atendimento ampliada, composta por mais de quatro mil agências e postos de atendimento e 44 mil caixas eletrônicos em todo o território nacional. 

A conclusão da operação está sujeita ao cumprimento de determinadas condições precedentes, incluindo a obtenção das aprovações do Banco Central do Brasil e do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). 

“Por meio desta operação, o Itaú Unibanco reafirma sua confiança no futuro do Brasil e reforça o seu compromisso com o mercado financeiro brasileiro, a satisfação de seus clientes e a criação de valor para seus acionistas”, finaliza a nota do Itaú, assinada por Marcelo Kopel, diretor de Relações com Investidores.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes