Menu

Internet e mobile já respondem por metade das transações bancárias

Internet e mobile já respondem por metade das transações bancárias

Canais virtuais são usados por mais correntistas. Acessos móveis quase dobraram.

 

Conforme a Pesquisa Febraban de Tecnologia Bancária 2014, o Internet banking e Mobile banking responderam por 52% das transações bancárias no ano passado. O volume de transações cresceu 14% e o canal Internet manteve sua participação em 41% em 2013 e 2014. O mobile, por sua vez, praticamente dobrou o percentual, de 6% para 11%, enquanto o ATM baixou de 23% para 21% e o contact center de 10% para 8%.

Entre 2013 e 2014, o número de contas bancárias ativas passou de 103 milhões para 108 milhões. “O crescimento de 5% se alinha ao índice de bancarização (relação entre CPFs ativos e contas), que passou de 57% a 60%”, observa Gustavo Fosse, diretor setorial de Tecnologia Bancária da Febraban.

Ele destaca uma expansão de 22% no número de correntistas que ativaram o Internet banking, habilitado para 51 milhões, ou 47% da base de clientes. Mesmo com esse ganho de abrangência, o peso no volume de transações se manteve estável. “Os usuários pesados já usavam os canais. Os novos clientes digitais fazem (individualmente) menos acessos”, justifica Fosse.

No ano passado, os dispositivos móveis responderam por 5,3 bilhões de transações, uma expansão de 127% sobre o ano anterior. O número de correntistas com acesso por smartphone ou tablet foi de 12 milhões em 2013 para 25 milhões no em 2014, o que representa cerca de um quarto da população bancarizada.

Consultas e movimentações – Evidentemente, a facilidade de acesso do mobile banking aumenta a frequência das consultas, ao mesmo tempo em que o público precisa ganhar familiaridade e confiança no canal para aprofundar sua utilização. Entre as 5,3 bilhões de transações no canal, apenas 212 milhões envolveram movimentação financeira, o que já representa um ganho de um ponto percentual em relação aos anos anteriores. “Para algumas operações, como pagamento de boletos, a usabilidade do mobile é até maior. O aplicativo usa a câmera para capturar o código de barras, o que poupa a digitação do código”, menciona Fosse.

No Internet banking, 82% das 18,6 bilhões de transações não envolvem movimentação financeira. Contudo, Fosse nota que, em números absolutos, são 3,34 bilhões de transações por Internet com movimentação de valores. Esse total supera as 2,52 bilhões de transações nas agências, onde a movimentação financeira representa 72%. Além dos serviços de conveniência, a pesquisa revela que 32% das contratações de crédito ocorreram nos canais não presenciais.

Outros dados da pesquisa confirmam a tendência de migração do uso de numerário para meios digitais. Em 2010, as operações em dinheiro ou cheque representavam 69% dos depósitos. No ano passado, 48% foram realizados por transferência bancária. No mesmo período de comparação, os saques caíram de 48% a 34%, enquanto o uso de POS foi de 52% a 66%.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes