Menu

Service IT cresce 35% e quer ampliar área de Serviços Gerenciados

Service IT cresce 35% e quer ampliar área de Serviços Gerenciados

Um importante movimento da companhia para expandir sua participação no mercado é a construção de um novo Network Operations Center (NOC)

A Service IT, integradora especializada em outsourcing e consultoria de TI, fechou 2016 com crescimento de 35% em seu faturamento, superando R$ 115 milhões. Para esse ano, a expectativa é ampliar a área de Serviços Gerenciados, incluindo ofertas de Cloud e SOC (Security Operation Center) e crescer mais 25%.

 Uma das principais iniciativas para chegar nesse resultado é a recente contratação do executivo Carlos Almeida, como head de Serviços Gerenciados da companhia. Com grande experiência no mercado, o executivo será responsável pelo desenvolvimento de novas ofertas e expansão da unidade de negócios de serviços gerenciados da companhia.

 Outro importante movimento da Service IT para expandir sua participação no mercado é a construção de um novo Network Operations Center (NOC). Com investimento superior a R$ 1 milhão, o espaço conta com mais de 700 m² e foi projetado para ser um local focado em melhorias dos serviços, com o objetivo de administrar os ativos dos clientes com mais segurança e precisão. Atualmente, a empresa conta com quase 100 clientes de todos os portes de empresa.

 “A Service IT mantém um alto nível de qualidade dos serviços prestados, com mais de 95% de satisfação avaliada pelos clientes. Isso acontece porque temos uma equipe técnica muito qualificada, pronta para atender o cliente e ajudá-lo a ser mais competitivo no mercado em que atua”, destaca Eduardo Gallo, CEO da Service IT. 

  A empresa começou como revenda de produtos de fabricantes multinacionais e, com o passar dos anos, ampliou o portfólio e passou a prestar serviços como o de integração e outsourcing. 

 “Estamos estudando a aquisição de uma empresa de segurança para ampliar ainda mais nossa oferta em serviços gerenciados. A novidade deve ser anunciada ainda nesse primeiro semestre do ano”, afirma o CEO.

 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes