Menu

Berghem amplia portfólio de ofertas para segurança

Berghem amplia portfólio de ofertas para segurança

A empresa traz para o mercado soluções de parceiros que permitem o desenvolvimento de aplicações mais seguras

A Berghem Smart Information Security ampliou o seu portfólio de oferta com a incorporação de soluções de dois parceiros internacionais, as quais permitem o desenvolvimento de aplicações mais seguras.

Da portuguesa Jscrambler, a empresa traz os produtos Code Integrity e Webpage Integrity. O primeiro protege códigos JavaScript de aplicações web e o segundo, contra manipulações na página web.

Já a solução SD Elements, desenvolvida pela Security Compass, do Canadá, sistematiza e audita os processos e boas práticas de segurança em desenvolvimento seguro.

Por meio do SD-Elements, é possível que os processos de desenvolvimento seguro (S-SDLC) e DevSecOps implementados pela empresa tenham um suporte sistêmico e auditável, contribuindo para tornar a cultura de segurança perene e disseminada na organização.

Já as soluções da Jscrambler — do tipo RASP (Runtime Application Self-Protection) — entram na última etapa do ciclo de desenvolvimento, servindo como camada final de segurança, ao proteger o lado mais exposto e mais distante do controle da organização: o client-side.

Para Matteo Nava, CEO da Berghem, o acordo com essas duas companhias representa um passo natural nos rumos da Berghem, que há mais de 15 anos vem construindo uma sólida reputação como especialista em segurança.

“A busca de soluções únicas em nossa área de atuação faz parte do nosso DNA. As parcerias estão evoluindo e trarão muitas vantagens para nossos clientes e, principalmente, para o usuário final, que estará cada vez mais protegido”, diz.

A Jscrambler tem escritórios no Porto, em Portugal, e em São Francisco, nos Estados Unidos. Está presente entre as 500 maiores empresas globais listadas pela revista Fortune e tem 43 mil clientes em todo o mundo, destacando-se os dos segmentos de serviços bancários, e-commerce, mídia, jogos e publicidade.

Com escritórios nos Estados Unidos e na Índia, a Security Compass contribui com empresas desenvolvedoras de software, a fim de que os programas sejam seguros desde o início do desenvolvimento, o chamado “security by design” — requisito previsto na Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

A plataforma SD Elements recomenda controles de segurança a serem implantados durante todo o ciclo de vida de desenvolvimento de software, com o intuito de evitar problemas de não-conformidade e vulnerabilidades na aplicação, o que ajuda a reduzir significativamente os custos de correção.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes