Menu

Dell torna-se a empresa de tecnologia que mais recicla no mundo

Dell torna-se a empresa de tecnologia que mais recicla no mundo

 Coleta de equipamentos da empresa chegou a 644 mil toneladas nos últimos cinco anos

A Dell assumiu a posição de empresa de tecnologia que mais recicla no mundo, de acordo com o último relatório global do plano 2020 Legacy of Good, que contempla 21 metas da empresa até 2020, relacionadas a iniciativas ambientais e de apoio à comunidade e diversidade. 

Segundo o relatório, nos últimos cinco anos, os programas de coleta de equipamentos da Dell em 78 países recolheram 644 mil toneladas de eletrônicos, sendo 78 mil toneladas só no último ano fiscal. Com isso, a empresa atingiu 71,4% da sua meta de atingir 907 mil toneladas até 2020. 

“A Dell tem um compromisso de longo prazo de utilizar a tecnologia e os especialistas para contribuir com benfeitorias para as pessoas e para o planeta. E assumir a posição de empresa de tecnologia que mais recicla no mundo confirma nosso comprometimento”, afirma Rosana Galvão, Diretora de Relações Governamentais da Dell Brasil. “Queremos não só ser reconhecidos como um fornecedor de soluções de TI de ponta a ponta, mas por sermos uma companhia que inspira outras corporações a tomarem medidas que impactem de forma positiva a sociedade e o meio ambiente”, complementa. 

Ainda de acordo com o relatório global, graças a um processo de redução no uso de materiais, desde 2009, a Dell evitou a utilização de 14 mil toneladas em embalagens, com economia de mais US$ 53 milhões. No último ano fiscal, a Dell adotou novos processos de paletização, o que contribuiu para que a múlti colocasse 20% a mais de produtos em cada palete enviado. 

A Dell foi ainda a primeira empresa de tecnologia a criar embalagens a partir dos seguintes materiais: palha de trigo, cogumelo, bambu e “sequestro” de gases de efeito estufa da atmosfera (como dióxido de carbono e metano, para sua bioconversão em um termoplástico da família do PHA - polihidroxialcanoato, um poliéster de fonte biológica). 

No período, a companhia ampliou em oito vezes o uso de embalagens baseadas em palha de trigo, que consomem 40% menos energia e 90% menos água do que o papelão. Ao todo, dois terços de todas as embalagens usadas pela corporação são recicláveis ou biodegradáveis e a meta é, até 2020, ter uma embalagem totalmente livre de resíduos. 

Ao longo dos últimos três anos, a Dell reduziu o consumo de energia de todo seu portfólio de produtos em 30,1%. Essa iniciativa impactou em uma economia de US$ 450 milhões nas contas dos clientes, no período. 

A Dell tem atualmente 150 produtos certificados com as diversas especificações ENERGY STAR – que atestam o consumo eficiente de energia –, incluindo 43 servidores para a especificação ENERGY STAR® 2.0 Computer Servers, em 2014.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Finanças

TI

Canais

Executivos Financeiros

EF nas Redes